BLOG

Aqui você encontra mais informações sobre propriedade industrial,

com a análise de quem é especialista no assunto. 

VOLTAR
Conheça os tipos de marcas e veja em qual a sua se encaixa

Conheça os tipos de marcas e veja em qual a sua se encaixa

Entender os tipos de marcas existentes é fundamental antes de fazer o registro da sua propriedade industrial. É preciso analisar em qual estilo a sua atividade inventiva se encaixa para poder classificá-la e, assim, preservá-la.

No post de hoje, vamos te apresentar, portanto, os estilos de natureza de marca e os quatro modelos principais de marcas. Continue a leitura para conferir tudo!

Tipos de natureza de marca: confira 4 estilos

Em primeiro lugar, é importante tratarmos sobre os estilos de natureza de marca. Veja, a seguir, em que eles consistem:

Marca coletiva

A coletiva visa a identificação e distinção de um produto ou serviço proveniente de uma pessoa jurídica, relacionado a algum tipo de coletividade, como uma cooperativa, associação e afins.

Marca de certificação

O objetivo aqui é afirmar a concordância de determinado produto ou serviço com as especificações técnicas, envolvendo a natureza, qualidade, procedência e demais características que são prometidas.

Marca de produto

O intuito desse tipo de marca é diferenciar produtos que sejam semelhantes ou completamente iguais.

Marca de serviço

A de serviço pretende distinguir serviços idênticos ou muito parecidos de pessoas físicas e pessoas jurídicas.

Está ficando mais claro?

Confira os 4 principais tipos de marcas

Agora que você já viu os dois estilos de marcas, é hora de conhecer os 4 tipos principais.

  • Nominativa: a marca nominativa é composta de uma ou mais palavras escritas a partir de letras do alfabeto, podendo utilizar números, sem a adição de imagens ou desenhos.
  • Marca Figurativa: como o próprio nome sugere, a marca figurativa é constituída por figuras, símbolos, letras com formas diferenciadas, em hebraico, árabe.
  • Marca Mista: a marca mista normalmente é construída através de elementos nominativos e figurativos, ou seja, é uma mistura de palavras e símbolos, figuras ou qualquer outra forma. No entanto, se preferir, é possível criá-la somente de forma nominativa, desde que a grafia seja estilizada.
  • Marca Tridimensional: o famoso 3D é muito utilizado para embalagens no supermercado. Portanto, o que define a marca tridimensional é o formato físico do produto, que deve apresentar um design único. Fala-se que ela é desenvolvida pela forma plástica distintiva.

Quais as vantagens e desvantagens de cada marca?

vantagens de cada tipo de marca

Embora o INPI  - Instituto Nacional da Propriedade Industrial - aceite os 4 tipos de marcas, a Nominativa, Figurativa e Mista costumam ser a mais usadas. Diante disso, vale ressaltar os pontos positivos e negativos de cada uma delas. Acompanhe:

Nominativa

A vantagem da marca Nominativa é o fato dela ser composta por elementos fonéticos. Isso faz com que o leque de opções de nomes aumente, possibilitando o sujeito escolher uma nomenclatura diferente, clara, objetiva, que chame atenção do público.

Além disso, caso você queira mudar o logo da sua marca, o nome se mantém protegido da concorrência. Quer dizer que é possível fazer qualquer alteração e manter a nomenclatura livre de plágio de terceiros.

A desvantagem, no entanto, é exatamente por ela não conseguir garantir a proteção do logotipo.

Figurativa

Com a Figurativa, você assegura que sua logo não seja usada por mais ninguém. Ela se torna exclusivamente sua.

Contudo, como no caso da anterior, o nome da marca fica desprotegido.

Mista

A marca mista oferece proteção dupla: ao nome e ao logotipo. Esse é o lado positivo de utilizá-la, porém, o aspecto negativo é que ela não assegura nenhum elemento além da nomenclatura e o logo.

Outro fator de desvantagem é que o titular não pode alterar somente o nome ou o logotipo. Se houver o desejo de modificá-la, o processo tem de ser feito por completo, isto é, é preciso mudar tudo e registrá-la novamente.

Como fazer o registro desses tipos de marcas?

como fazer registro de cada marca

O procedimento é o mesmo. Primeiro, identifique em qual estilo e tipo a sua marca se enquadra.

Depois, basta acessar o site do INPI, que é o órgão responsável, ou ir até a sede presencial para fazer o pedido de registro de marcas, pagar as taxas e, por último, acompanhar o processo.

No portal do instituto você encontra um manual bem explicativo, com todas as informações, documentos e requisitos necessários.

Em uma outra postagem explicamos, detalhadamente, como proceder com o registro de marca no INPI. Vale a pena ler e se inteirar para que nada saia errado.

Ficou com alguma dúvida ou precisa de ajuda? Entre em contato com a AtlasPI! A empresa é especializada em registro de marcas e está apta a te auxiliar em cada etapa do processo.

Para conferir outras postagens com conteúdos relacionados, continue acompanhando nosso blog. Toda semana publicamos um novo artigo por aqui. Até o próximo!

    Nemo enim ipsam voluptatem quia voluptas sit aspernatur aut odit aut fugit, sed quia consequuntur magni dolores eos qui ratione voluptatem sequi nesciunt. Neque porro quisquam est, qui dolorem ipsum quia dolor sit amet, consectetur, adipisci velit, sed quia non numquam eius modi tempora incidunt ut labore et dolore magnam aliquam quaerat voluptatem. Ut enim ad minima veniam, quis nostrum exercitationem ullam corporis suscipit laboriosam, nisi ut aliquid ex ea commodi consequatur? SAIBA MAIS

    SOBRE ATLAS E GESTÃO 360°